segunda-feira, 29 de março de 2010

Eu tenho inveja do Sol que pode te aquecer,
eu tenho inveja do Vento que te toca,
tenho ciúmes de quem pode amar você,
quem pode ter você pra sempre ♪

sábado, 27 de março de 2010

Atividades intelectuais são excelentes, mas fadigar depois delas é melhor ainda!
Mesmo com um pote enorme de açaí aqui em casa, tomar açaí lá no centro de Barueri, ver gente e receber aquela flor ao lado das amigas foi ótimo!
Stellinha, brigada pela flor e pela carta, você é muito mais que fofíssima, eu te amo ♥
Junto com as meninas pude relembrar as coisas boas pelas quais ja passei, nós confidenciamos segredos de quando tinhamos 12, 13 ou 14 anos, e foi tão legal. Rir e falar do que vier a cabeça,sem ninguém pra julgar, depois de uma semana que não foi fácil pra nenhuma de nós, sem duvida era o que a gente precisava.
Depois de uma semana tão trash, sair com vocês foi a melhor coisa que me aconteceu, e eu agradeço mesmo muito, porque foi simples, mas foi completo. Stellinha, Ingrid e Manu, obrigada, eu amo vocês ♥

quarta-feira, 24 de março de 2010

Ainda vai levar um tempo
pra fechar o que feriu por dentro.
Natural que seja assim... ♪

segunda-feira, 22 de março de 2010

É quando tudo se mistura, as mudanças voltam ao normal 
e você já não sabe mais quem mudou, se foi você ou se foram os outros. 
Confusão é a palavra chave. 
Um dia eu me situo e as coisas tornam-se mais simples.
Até lá, tudo é válido como experiência.
"I just want you to know who I am ♪ "

domingo, 21 de março de 2010

 
A foto foi a Bru que me mostrou, linda né? *_* TE AMO BRUUUU!! Melhor forever, and ever e durante quantos 'everes' forem precisos!
Minha semana foi longa. E se eu pudesse descrever todos os sentimentos pelos quais passei ao longo de cada nota que aquele violão ecoava, passaria a noite toda aqui. Fato é que se eu estava perdida, agora estou pior. Não dá pra entender porque você faz isso. Você sabe da minha fragilidade e faz questão de mecher com ela. Experimenta parar, para que eu possa deitar e dormir ao menos uma noite sossegada.
Queria passar por tudo que tenho passado com você do meu lado. Queria dividir com você seus medos, seus desejos. Queria me ver no teu olhar. Pena que você não deixa. 
Do mais, Ingrid, Tamires, Manuella, Monami, Leticia, Flor, Stella, Tide e Gordo... Obrigada pelos melhores dias de cursinho. Estudar, se distrair... dividir meus dias com vocês é tão bom que não consigo dizer, obrigada, de verdade. Obrigada especial para as meninas mais lindas do muuuuuundo que me aturam em tpm, em chilique, em stress, em lerdeza, em tuuuuuuudo. Obrigada pelo colo de voces, principalmente. ♥

And that's what you get when you let your heart win

sábado, 13 de março de 2010

O problema é que eu te amo ♥


Pensei no que postar aqui e lutei contra mim mesma, porque hoje,eu não queria saber de lirismo.
No entanto, sem ele, eu não tenho nada de subjetivo para escrever. E ser realista,objetiva, crítica, já tem me deixado saturada durante as redações.
Esse blog é como um diário, ele é reflexo daquilo que passa pela minha cabeça e pelo meu coração, seja em forma de música, poesia, ou pelo que eu decido falar mesmo. Hoje é isso.
Em meio aos meus pensamentos, me perdi, e quando me encontrei, já estava longe da minha casa, perto de uma só pessoa, longe de tudo o mais.
Nunca tive absolutamente nada dele, nunca pude alimentar esperanças, tentei sempre manter os pés no chão.
Vestida sob a máscara da frieza, razão e da sanidade optei por me cegar e ao abrir os olhos, frente ao espelho da minha alma, já não me reconhecia.
Reparei que idealizei alguém e esperei que essa imagem, ideal, se materializasse. Ilusão e ingenuidade. O que idealizamos jamais existirá porque está eternamente preso na ideia.
Se é assim, porque então, olhando pra ele, ainda hoje, enxergando os defeitos, as qualidades, eu penso que ele é tudo o que eu sempre quis? Porque eu não posso olhar a minha volta e decidir o que é melhor pra mim, por quem é melhor sentir e quando vai passar?
O amor é algo tão peculiar, que da vida inteira de alguém pode-se falar em decisões que darão rumo, sentido  à sua trajetória, com exceção do amor. Porque esse, tem vontade própria. Logo que chega se acomoda, invade tua serenidade e só vai embora quando achar que deve.
Depois de muito tentar, aceitei que não dá pra expulsar o amor de você enquanto ele não aceitar que não é seu. E como eu queria que fosse! =/
Honestamente, eu desejo realmente muito, que eu não seja injusta com os sentimentos alheios, que eu saiba valorizar as pessoas boas que me são colocadas no caminho, mas que fazendo isso eu não fuja do que eu penso, do que eu sinto, do que eu quero viver.
Afinal, mesmo que doa, que seja dificil e que por tantas vezes dê vontade de desistir, estamos todos aqui decidindo o rumo da nossa vida -individual- e discutindo com o rumo da nossa vida a dois, cujo guia sabe perfeitamente como aprontar com a gente, simplesmente porque, se estamos aqui,é preciso que valha a pena.


nostalgia mode on

"Conto a nossa história em tristezas e glórias. O poema mais bonito que eu já li. É você está em todos os momentos que eu vivo e que eu desejo."

Ah que saudades de quando gostar de alguém era aquilo que alimentava corpo e espírito. Era aquele sentimento que nutria meus sorrisos, meus sonhos, meus desejos mais recônditos.
Que falta eu sinto de quando eu sabia o que era ser correspondida, de quando não doía, não fazia mal ter por alguém um sentimento tão bonito.
Num mundo tão contraditório assim, nem mesmo o amor se salva. Decidimos abrir o coração para que ele entre (porque apesar de impertinente, o amor não é mal educado, e não entra se a porta estiver fechada ou se não for convidado) e quando ele entra, se sente em casa, abala sua estrutura e te transforma em outro alguém.
Sua casa continua com a mesma arquitetura exterior, mas seus móveis lá dentro, só você sabe quanto eles já foram diferentes.
Mudanças podem ser positivas ou não. Seus móveis novos nem sempre vão ornar com o restante da casa, e caso realmente não ornem, a harmonia do seu lar estará abalada. É exatamente assim com o coração.
Não me lembro de quando foi que me permiti descobrir novos sentimentos, mas tenho certeza que desde então eu não tenho conservado em mim 1/3 do que eu já fui. E quanta falta eu me faço... 


sexta-feira, 12 de março de 2010

Minhas três ultimas semanas foram doidas! Estudar, estudar, estudar, estudar e estudar nas horas vagas... que os anjos me guiem e que tanto esforço valha a pena. (:
Mesmo estudando tenho falado com aqueles que sao prioridades *_*
A Bruna, o Gui, o Thii *_* melhores do muundo!!!  Além deles tem ainda uma turma beeem importante que me anima demais, me deixa lá em cima, que é fundamental pra motivar... Brigaada!
Mas pessoal.. como cansa! Ontem mesmo: quatro aulas seguidas de matematica... Hoje quatro de fisica... Tem que ter estômago! O_O
E eu to só enrolando aqui,pq nao tenho o que falar e to enchendo linguiça.
Fato é que to achando doido! UHEAUIHAUIHEIUAHU
E eu tenho que falar por aqui, porque hoje eu to sem meu diário que eu esqueci la no cursinho... mas é serio.. minha amiga é a MELHOR!! BRUNAA DO CEU, EU NAO SEI O QUE SERIA DA MINHA VIDA SEM VOCE! OBRIGADDA POR EXISTIR. ufa. *o*
Aula do Pi foi demais.. ele com aquela voz que é uma mistura de ator pornô com vendedor do carrefour , ARRASA!
Vou descansar... amanhã tem ingles. =/ Boa noite. ♥

domingo, 7 de março de 2010

 
Ela vive num conto de fadas muito longe para nós encontrarmos. Esqueceu o gosto e o cheiro do mundo que ela deixou pra trás. Tudo se resume às lendas que eu lhe contei. Os ângulos estavam todos errados agora: ela está tirando asas de borboletas! Então um dia ele a encontrou chorando encolhida no chão sujo..."Seu príncipe finalmente havia ido salvá-la" e o resto você pode imaginar. Mas era um truque! E o relógio soou 12 horas... Bem faça o favor de construir sua casa tijolo por tijolo ou os lobos vão derrubá-la!
Bem você construiu um mundo mágico porque sua vida real é trágica. É, você construiu um mundo mágico... Com seus pés no chão e sua cabeça nas nuvens. Vá pegar sua pá, vamos cavar um buraco fundo para enterrar o castelo! Se não é real você não pode ver com seus olhos, você não pode sentir com seu coração, e eu não vou acreditar! Mas se é verdade você pode ver com seus olhos ou até na escuridão... E é onde eu quero estar!

E quando o dia não passar de um retrato

Colorindo de saudade o meu quarto
Só aí vou ter certeza de fato
Que eu fui feliz
O que vai ficar na fotografia
São os laços invisíveis que havia
Guardo pra te dar as cartas que eu não mando.
Conto por contar e deixo em algum canto. ♥