quinta-feira, 10 de setembro de 2015

Não confundir, nem se enganar: exigir ser tratado como merecemos não é o mesmo que exigir ser tratados como queremos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Diz ai!